Qual o seu horário mais produtivo?

Qual o seu horário mais produtivo?

“Deus ajuda quem cedo madruga”? Será mesmo? Será que só existe um horário mais produtivo?

Você já parou para pensar como seria legal seguir e respeitar o funcionamento do seu próprio corpo?

Ainda consigo me lembrar de como era difícil pra mim acordar e ter que ir pra escola tão cedo. O maldito sinal tocava pontualmente as 7:10 e lá estava eu. Com a cabeça completamente desligada, equilibrada em cima de um corpo sem forças.

O mesmo acontecia aos sábados. Meu curso de inglês começava as 7:00. Meu Deus, que sacrifício! Não era a toa que eu odiava o curso.

Aí a pessoa cresce, se livra da escola e do inglês, mas o horário de bater o ponto no trabalho é….

7:00. Putz!!!

Eu confesso que já achei que o problema era comigo. Como podia alguém sofrer tanto para acordar cedo?

Foi quando, anos mais tarde, eu descobri por acaso que existe sim uma diferença gritante entre pessoas diurnas e noturnas. O que explicava muitas coisas.

Disponibilizei aqui nesse artigo um pequeno teste, comporto de 8 perguntas, publicado no jornal americano The New York Times, que pode te ajudar a identificar se você tem melhor produtividade de dia ou de noite, caso isso não seja tão claro pra você. Vale a pena conferir. Mas antes deixa eu explicar um pouco mais sobre as características das pessoas diurnas e noturnas pra você entender.

Quem são as pessoas diurnas?

  • Pessoas que gostam de acordar cedo;
  • Acorda muitas vezes sem despertador, apenas com o relógio biológico;
  • Gostam de se exercitar cedo;
  • Estão sempre dispostas nos primeiros horários da manhã;
  • Gostam de atividades mais complexas ou vivem começando novos projetos pela manhã.

Entre 10% a 15% das pessoas são diurnas

Quem são as pessoas noturnas?

  • Brigam com o despertador todos os dias;
  • Sentem-se ativos na parte da noite;
  • Gostam ou só conseguem dormir depois das 23:00;
  • Sempre têm novas ideias a noite;
  • Executam melhor projetos e ideias a noite.

Entre 15% e 25% das pessoas são consideradas noturnas.

E o restante das pessoas Carol?

O restante das pessoas conseguem facilmente se adaptar e portanto muitas vezes não sabem se são diurnas ou noturnas. E está aí a importância de se conhecer melhor e de fazer o teste.

Descobrir como funciona melhor o seu corpo pode te ajudar a aproveitar mais o seu tempo e a sua produtividade.

Vamos ao teste?

Para responder o testo basta escolher a melhor resposta somar os pontos que estão à frente de cada opção nas alternativas e conferir o resultado logo abaixo.

1) Você se sente alerta nos primeiros 30 minutos após acordar?

a) Nem um pouco alerta (1)
b) Um pouco alerta (2)
c) Alerta o bastante (3)
d) Muito alerta (4)

2) Ao acordar, você sente fome?

a) Nenhuma fome (4)
b) Pouca fome (3)
c) Com fome o bastante (2)
d) Com muita fome (1)

3) Um amigo te convida a fazer exercícios físicos junto com ele, para vocês se incentivarem. Ele só tem horário livre das 6h às 7h da manhã. Como você acha que seria o seu rendimento ao acompanhá-lo?

a) Bom (4)
b) Razoável(3)
c) Ruim (2)
d) Muito ruim (1)

4) Você precisa fazer uma atividade em que precisará estar totalmente concentrado e alerta. Se você pudesse escolher, qual seria o melhor horário para realizar essa atividade?

a) Das 8h às 10h (4)
b) Das 11h à 13h (3)
c) Das 15h às 17h (2)
d) Das 19h às 21h (1)

5) Você tem que ir para a cama às 22h. Com quanto sono você estará nesse horário?

a) Com muito sono, dormindo em pé (1)
b) Com bastante sono (2)
c) Com um pouco de sono (3)
d) Sem sono algum (4)

6) Para acordar de manhã, por exemplo às 8h, você é depedente do despertador?

a) Muito dependente, coloco a “função soneca” várias vezes e ainda tenho dificuldade (1)
b) Bastante dependente, preciso de uns minutos a mais na cama (2)
c) Levemente dependente, já me levanto no primeiro toque, mas não acordaria sozinho nesse horário (3)
d) Nem um pouco dependente, acordo antes dele despertar (4)

7) Por alguma razão, você foi para a cama bem mais tarde do que o habitual, mas não há necessidade de acordar em um horário determinado no dia seguinte. Que atitude mais se parece com a que você tomaria?

a) Acordaria no horário habitual e não voltaria para a cama (4)
b) Acordaria no horário habitual e ficaria rolando na cama tentando dormir mais (3)
c) Acordaria no horário habitual mas voltaria a dormir (2)
d) Acordaria mais tarde do que o habitual (1)

8) Você se considera uma pessoa diurna ou noturna?

a) Diurna (4)
b) Mais diurna que noturna (3)
c) Mais noturna que diurna (2)
d) Noturna (1)

Resultados

Some os pontos de cada resposta e veja o seu resultado:

9 pontos ou menos:

Você é uma autêntica coruja. Ama dormir pela manhã e não tem problemas para ficar acordado até bem tarde. Corujas ficam mais alertas um pouco mais tarde que as outras pessoas e são, injustamente, taxados de preguiçosos. Tente concentrar suas atividades no período noturno.

10 a 14 pontos:

Você ama a vida noturna e gosta de ficar acordado até tarde e dormir boa parte da manhã. Mas você é flexivel, e consegue se adaptar quando seu padrão de sono é interrompido.

15 a 22 pontos:

Você não tem qualquer tendência especial. Em geral, fica satisfeito se levantando entre 6h e 7h e indo dormir entre 22h e 23h. Você costuma estar mais alerta pela manhã e no início da noite, e tem um período de menor atenção à tarde.

23 a 28 pontos:

Mal se levanta, você está no auge da produtividade. Sua tendência é ser uma pessoa matutina; você gosta de se levantar cedo e não ficar acordado até muito tarde. E não lida muito bem com interrupções no seu padrão de sono.

29 a 32 pontos:

Você é daqueles que acorda com os passarinhos. Os pássaros tendem a acordar por volta das 4h ou 5h da manhã e dormir às 21h. Você tem é mais produtivo nas primeiras horas do dia, e lida muito mal com modificações em seu padrão de sono.

Prontinho! Agora qu você já sabe como o seu corpo funciona eu desejo que você respeite os seus limites e aproveite o seu melhor momento.

Beijos, Carol

Que tal compartilhar a sua resposta no nosso grupo exclusivo no facebook? Clica AQUI!

Veja também: Como resistir a vontade de fazer muitas coisas. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *